Acessórios

A chata mais estilosa da blogsfera casou*

Por  | 

 

11Leo_Lu_Pedro-15

Fotos: Agência Uai

 

 

 

 

 

 

 

Ela queria ser solteira para viajar o mundo, mas se rendeu. Lu Ferreira, do blog Chata de Galocha, disse ‘sim’ em um casamento fora do padrão. Fiel a seus princípios, preferiu entrar sozinha porque não estava “sendo entregue”. Também imprimiu personalidade na hora de escolher o look: deixou de lado um vestido “bobo” e se jogou, sem medo, em um modelo com cara de antiguinho (comprado na internet!), batom vinho e unhas vermelhas. Nos pés, um Louboutin incrível e… (sem medo de assumir, apesar de ser blogueira de moda), desconfortável.

1Lu_Leo_agenciauai-067 2Lu_Leo_agenciauai-054 3Lu_Leo_agenciauai-038 4Lu_Leo_agenciauai-048 5Lu_Leo_agenciauai-041 6Lu_Leo_agenciauai-060 7aLu_Leo_agenciauai-026 7Lu_Leo_agenciauai-077 8Lu_Leo_agenciauai-085 9Lu_Leo_agenciauai-089 10Lu_Leo_agenciauai-087

Você sempre sonhou em se casar?
Nunca sonhei em me casar, falava que ia ser solteira e viajar o mundo, hahah! O mais engraçado é que não tenho nem 30 anos e essa já foi a segunda vez, hahaha!

Como foi a escolha do vestido (lindoooo)?
Foi um draminha, heheh! Desde que resolvemos nos casar eu estava superansiosa (claro!) para resolver o meu ‘look de noiva’. Então viajei em dezembro do ano passado para Miami e comprei um vestido maravilhoso, fiquei superfeliz com a escolha. Mas o meu casamento ainda não estava definido e, aos poucos, me reunindo com a decoradora e a designer que foram responsáveis por tudo, fui constatando que o vestido que havia escolhido não ia funcionar. Comecei a querer um vestido menos tradicional, com ar vintage, algo que combinasse com o que estávamos planejando e, ao mesmo tempo, com o que gosto de usar. Aí, fuçando em sites de casamento atrás de inspiração, achei esse vestido. Soltei um “ooohhh” em voz alta quando vi, mandei foto pra Ana (Paula Pedras, que sempre me acode em momentos de dúvidas fashionistas) e ela respondeu “Se você não se casar com esse vestido, eu caso!”, hahahah! E aí não teve jeito: comprei! O detalhe é que comprei pela internet. Sem experimentar, fazendo conversão de medidas no site, sabe? E não é que a coisa funcionou superbem?! Tive que ajustar um pouquinho na cintura e na barra, mas nada demais.

E o acessório do cabelo (incrível)?
A designer do casamento trouxe pra mim de uma loja gringa, foi super em cima da hora!

O fato de você ser ligada à moda tornou a escolha mais fácil ou mais difícil? Por quê?
Acho que dificultou. O primeiro vestido era lindo, tinha aquela cara clássica de noiva… Mas achei ele bobo! Sem informação, era lindo e só isso, sabe? Acho que por sempre estar observando roupas e a moda acabei sendo ainda mais Chata com isso.

Fale sobra a maquiagem.
Eu fiz com meu maquiador favorito, Nixon, amigo que também foi ao casamento. Queria boca escura porque o vestido é meio bege e eu sou branquinha e loira, ia ficar muito apagada se não colocasse cor. Também achei que a cor colaborou pro clima vintage; fui de batom vinho escuro e amei o resultado!

Como você escolheu o penteado?
Tinha mil referências no Pinterest, mas foi só depois que o vestido chegou que decidi mesmo que iria prender. Mas não tem nada a ver comigo um cabelo perfeitinho, arrumadinho, sabe? Por isso o coque frouxo, com fios caindo. Mas o penteado só foi decidido mesmo no dia, hahah! Quando fiz o teste, estava completamente diferente, no dia que fomos pro lado mais relax.

Como é a sua rotina de beleza? Fez alguma coisa pensando especificamente no casamento?
Sou megavaidosa e adoro produtos de beleza. O blog fala muito disso não é à toa! Para o casamento, especificamente, fiz algumas sessões de drenagem linfática nas semanas anteriores. Eu estava retendo líquido e acho que ajudou muito. Também avisei ao meu cabeleireiro que iria prender quando fui retocar minhas mechas e ele tomou cuidado para deixar bem uniforme, inclusive nas partes debaixo, que acabaram aparecendo no coque.

Ficou indecisa na hora de escolher o esmalte vermelho?
Eu estava em dúvida entre um meio dourado e o vermelho escuro; fui de vermelho para dar mais contraste.

Dá para ficar de Louboutin até o fim da festa?
Impossível! Troquei por uma sandália da Schutz com salto mais amigo.

E o buquê?
Eu pedi pra Lívia (a decoradora) um com flores em tom de vinho e mandei algumas referências. Ela quem decidiu as flores e formato, e amei cada folhinha dele!

Você preferiu entrar sozinha. Por quê?
Leo entrou com a mãe dele, logo em seguida entraram meus pais e o pai dele com a esposa mais que querida. Nossa daminha foi a Lulu, sobrinha dele, e o Pedrinho, coitado, com 2 aninhos abriu o choro e só foi até metade, hahaha! Eu preferi entrar sozinha. Não me entenda errado, tenho um relacionamento maravilhoso com meu pai. Sou agarradíssima nele, sou ‘filha do pai’, sabe como é? Mas foi simbólico ver meus pais entrando juntos no meu casamento… Quando me casei pela primeira vez eles estavam separados, foi uma coisa meio estranha, sabe? E acho que essas entradas são muito representativas, eu já fui casada, me separei, morei sozinha, ou seja, ninguém estava me “entregando” ali. Eu cheguei com as minhas próprias pernas e achei que tinha que ser assim. Fiquei com medo de escorregar na rampa de entrada, mas deu tudo certo e não me arrependo.

Como foi a cerimônia?
Foi emocionante demais! O Eduardo Machado é teólogo e um fofo. Leo o conheceu em um dos casamentos que fotografou e sabia que eu iria gostar dele, ele me conhece bem.=) Eduardo pediu pra gente escrever os nossos votos, o que foi dificílimo! Mas como tudo no casamento era a nossa cara, feito pra gente, não fazia sentido repetir aquilo que todo mundo repete. Leo fez todo mundo gargalhar quando prometeu nunca deixar de ser cafona (eu sempre faço graça com ele, mas ele sabe que eu amo o jeito super-romântico-que-chega-a-ser cafona dele), e me fez chorar no final. O resultado foi que falei os meus com voz embargada. Não foi nada muito longo, mas cada momento foi muito, muito especial. Eu achava que ia ser tão diferente! Não pensei que fosse me emocionar tanto, mas estar ali cercada de gente que a gente ama de verdade, naquele lugar, escutando as músicas que fazem parte da nossa história… Não aguentei.

Se a sua melhor amiga fosse casar, que dica você daria?
Para esquecer todos os “tem que ter” que já ouviu falar sobre casamento! Tem que ter ela e o noivo, o resto quem manda são os dois!

 

11aL&L-Clifford-094 12 13Lu_Leo_agenciauai-130 14Lu_Leo_agenciauai-133 15Lu_Leo_agenciauai-163 16Lu_Leo_agenciauai-178 17aCasamento_Luisa_Leonardo_WED_Juliano-99 17bCasamento_Luisa_Leonardo_WED_Juliano-118 17cL&L-Clifford-075 17dLeo_Lu_Pedro-10 17Lu_Leo_agenciauai-199 18aeCasamento_Luisa_Leonardo_WED_Juliano-119 18bLeo_Lu_Pedro-11 18Lu_Leo_agenciauai-208 19Lu_Leo_agenciauai-210 21Lu_Leo_agenciauai-302

22Lu_Leo_agenciauai-244

Azamigas blogueiras esbanjando estilo: Lia Camargo, Carla Lemos, Thereza Chamas e Helô Gomes

23Lu_Leo_agenciauai-265
Quem fez o quê:
Vestido: Anna Sui.
Grinalda: BHLDN.
Cabelo e maquiagem: Nixon Alvarenga e Márcia Neves (equipe DP Araújo).
Sapatos: Christian Louboutin e Schutz.
Alianças: Manoel Bernardes.
Buquê: Lívia Kizli.
Joias: Loxus.
Roupa do noivo: VR Menswear.
Fotografia: Agência Uai.
Filmagem: Evolution Wedding.

 

*Entrevista feita em junho para a revista Noivas Rio de Janeiro

 

 

 

 

 

Tisa Jaques é jornalista e produtora de moda. Escreve sobre casamentos desde 2008. Costuma brincar que a sua missão é não deixar as noivas perdidas na linha tênue entre o brega e o chique.

Você precisa estar logado para comentar Login

Deixe uma resposta